Como fazer a feijoada perfeita?

Seja nas quartas ou sábados, no frio ou no calor, a feijoada é sempre bem-vinda. Confira as dicas do AnaMaria Receitas para fazer a feijoada perfeita!

A feijoada é um dos pratos mais tradicionais do Brasil. Pode-se dizer que em qualquer canto do país existe alguma versão da mistureba de feijão deliciosa. Em alguns lugares é comum que exista dias da semana específicos destinados para a feijoada e em outros, ela é um prato típico de inverno. 

Publicidade

E além de comer a feijoada, o brasileiro sabe muito bem prepará-la. No entanto, ela pode ser um prato um pouco complexo para quem não tem prática na cozinha. Então, para que você também possa ser um especialista em feijoada, o AnaMaria Receitas separou algumas dicas que vão te ajudar a preparar esse prato brasileiro sem estresse. Confira a seguir!

Pré-preparo

O preparo da feijoada começa muito antes de colocar tudo no fogo. A primeira coisa que devemos fazer é colocar o feijão de molho por mais ou menos 12 horas. Isso fará com que o preparo seja mais rápido e evita que o grão provoque gases indesejados. 

Já com a carne, é importante colocá-la para dessalgar. O processo é simples, mas pode ser um pouco demorado. Coloque as peças de carne em um recipiente com água gelada e deixe de molho por cerca de um dia inteiro. O indicado é trocar a água durante esse tempo para que o resultado saia como o esperado. 

Feijoada magrinha - Foto: getty images
Feijoada magrinha – Foto: getty images

Ingredientes e utensílios básicos

Uma dúvida muito frequente é qual a panela ideal para preparar uma boa feijoada? Bom, a resposta é simples: a panela de barro. Com ela o caldo irá cozinhar uniformemente e o preparo será mais rápido, já que ela retém calor mais facilmente. No entanto, sabemos que pode ser um investimento inesperado para algumas pessoas, então não se preocupe, a feijoada também pode muito bem ser feita em uma panela de pressão ou até em uma panela grande normal – mas o preparo levará mais tempo. 

Publicidade

Outra questão é quais carnes escolher para colocar no caldo. As mais básicas são a costela, linguiça, carne seca, lombo, rabo, orelha e pé de porco, mas dependendo da receita você pode diversificar um pouco mais. Lembre-se que o rabo, a orelha e o pé são usados para dar sabor e engrossar o caldo, geralmente são retirados antes de servir. 

Por último, precisamos pensar nos temperos. Geralmente utilizamos louro, alecrim e tomilho, mas você pode adicionar algum outro de sua preferência. A dica é amarrá-los em um barbante culinário, acrescentá-los durante o cozimento do caldo e retirar depois que a feijoada estiver pronta. Um cuidado que você precisa ter é com a correção de sal. Deixe para adicionar depois de pronta e, se estiver com medo de salgar demais, a dica é colocar duas batatas cruas sem calda durante o preparo para equilibrar.  

Foto de Feijoada light
Foto de Feijoada light

O ponto ideal

O tempo de cozimento da sua feijoada vai depender da panela e do tempo que a carne e o feijão ficaram de molho. No entanto, é importante ter em mente que o tempo de cozimento de cada um é diferente, ou seja, os dois não podem ser acrescentados na panela ao mesmo tempo. 

Publicidade

Então, primeiro adicione as carnes (lombo, costela, rabo, pé e orelha). Deixe por alguns minutos e então acrescente o feijão. Por último, quando a feijoada já estiver quase no ponto, coloque a linguiça. Dessa forma, tudo será cozinhado no tempo correto e nenhuma carne ficará muito dura ou muito mole. 

Além disso, para que sua feijoada não se transforme em uma sopa, é importante engrossá-la e para isso temos algumas dicas. Primeiro, deixe a panela no fogo baixo por mais tempo mesmo depois de pronto, isso irá reduzir o caldo e deixará sua feijoada mais grossa. Outra dica é separar uma ou duas xícaras de feijão cozido, batê-los no liquidificador e depois devolvê-los à panela. 

Foto de Feijoada
Foto de Feijoada

Toques finais

Ao final da feijoada, experimente refogar alho, cebola, couve e bacon em uma panela e depois adicione o refogado na feijoada. Isso trará um sabor adicional para o seu caldo. Além disso, não esqueça de preparar os acompanhamentos como farofa, arroz, couve e laranja. 

Publicidade

Uma dica interessante é preparar a feijoada completa um dia antes de servir. Algumas pessoas acreditam que os sabores são realçados se a feijoada ficar algum tempo parada. Além de que, assim, você terá mais tempo de planejamento para preparar as guarnições. 

Para a sua sorte, o AnaMaria Receitas está recheado de receitas de feijoada. Confira os preparos no nosso site e se delicie com a galera!

Publicidade